O que é Gestão de Documentos Remota?

Com o avanço da Tecnologia, criaram-se diversas formas de automação e facilidades no dia-a-dia das pessoas e nas suas rotinas de trabalho. Além disso, as empresas tiveram que se adaptar as atualizações e tendências.
A gestão de documentos remota é o acesso aos arquivos a distância, o gestor pode pesquisar os documentos arquivados em um provedor de qualquer lugar do mundo. Através de um sistema todo o processo acontece de forma rápida e segura.
O software auxilia nas pesquisas, encontrando rapidamente o tema pesquisado mesmo entre milhares de arquivos.
Da mesma forma os novos arquivos também podem ser armazenados em um único lugar e o upload feito de qualquer lugar do mundo. Bastando o usuário ter acesso a internet, usuário e senha do sistema contratado.
Vantagens da Gestão Remota
– Não há deslocamento
– Agilidade em encontrar os arquivos
– Redução de custos com equipamentos
– Facilidade no compartilhamento da informação
Saiba como a Boomerang File pode auxiliar sua equipe com a Gestão de Documentos Remota. Clique aqui e saiba mais.

GED – Tudo o que você precisa saber!

Hoje em dia, o bem maior de uma empresa é a informação. Com ela é possível criar produtos, prospectar ou se relacionar com clientes, vender soluções, se atualizar, etc. Sabendo disso, foi criado todo um sistema para manipulação e administração da informação, chamada Tecnologia da Informação, que hoje está presente em praticamente tudo no mundo. Dentro da T.I. (Tecnologia da Informação) existem diversos sistemas para tal administração da informação, uma delas é conhecida como GED.

A GED, conhecida como Gestão Eletrônica de Documentos ou Gerenciamento Eletrônico de Documentos é um sistema e ou módulo da T.I, para manipulação ou administração geral dos documentos de uma empresa, controlando o armazenamento, compartilhamento, protegendo-os, facilitando o acesso para pessoas autorizadas, facilitando a recuperação dos documentos em caso de perda/falhas, entre outros recursos. Estes documentos não necessariamente sejam apenas digitais, como planilhas eletrônicas, arquivos de texto, som/áudio, vídeo e etc, mas também arquivos em papel, imagens físicas, por exemplo. Porém, a grande vantagem do uso da GED é exatamente facilitar o acesso a essas informações, independente de seu tipo.
A GED pode ser dividida em alguns processos/tecnologias, cada uma com sua função:
• Capture – Processo de captação de documentos, formulários, transformando em informações legíveis, confiáveis e recuperáveis para quem necessitar.
• Document Image (ID) – É o processo de digitalização dos documentos físicos, podendo ser feito através de scanners, maquina digital ou qualquer outra ferramenta de digitalização.
• Document Management (DM) (Gerenciamento de Documentos) – Um dos principais processos da GED, este processo é responsável por gerenciar com mais eficácia a criação, revisão, aprovação, recuperação dos documentos eletrônicos.
• Workflow / BPM – Tecnologia que gerencia os processos da empresa, dando garantia que as tarefas serão executadas no tempo planejado e pelas pessoas certas, organizando as tarefas, os prazos, documentos. Pode-se citar como exemplo desta etapa, um CRM.
• COLD/ERM – Esta tecnologia permite gerar relatórios e gerenciá-los na forma digital, criando anotações nestes relatórios, sem alterar sua forma original.
• Forms Processing (processamento de formulários) – É o processo que retira as informações em papel e converte para forma textual, podendo ser salvas em arquivos digitais, como: DOC, DOCX e TXT,  por exemplo. Dessa forma, automatiza o processo de digitação manual, otimizando este tempo na empresa.
• Records and Information Management (RIM) – É o processo que administra toda a vida útil do documento, desde sua criação, manutenção, uso, até o processo de descarte do mesmo, com um controle de categorização e tabelas de temporalidade.

Entenda os impactos da GDPR – Regulação Geral de Proteção de Dados em instituições nacionais

As exigências da nova legislação da União Europeia começou a vigorar no dia 25/5 e tem o nome de Regulação Geral de Proteção de Dados (GDPR).

O  DPO – data protection officer, é o nome dado ao um novo cargo em empresas do mundo todo, o profissional tem a função de proteger os dados de pessoais. O profissional será responsável por orientar outros colaboradores a lidar com as informações e dados que manipula. Ele também será o e ser o principal contato com as autoridades regulatórias nas questões a respeito da GDPR.

No Brasil, a GDPR interfere em companhias que tem relação comercial com países europeus.
Empresas de comunicação estão mudando os processos estabelecendo novas diretrizes aos usos de dados.

O DPO também é um cargo obrigatório em empresas públicas onde exige um monitoramento mais rigoroso e em larga escala, principalmente aos setores que lidam com informações de crimes, por exemplo.
Independente do porte da empresa, ter um profissional de DPO é recomendado, ainda que para cuidar da base de dados de clientes, que por mais simples que seja já exigirá a aplicação da lei.
A grande vantagem é a possibilidade de apurar melhor esses dados através do novo profissional e oferecer aos seus clientes e parceiros ações personalizadas.
A companhia pode optar por profissionais terceirizados ou até mesmo compartilhados, assim o profissional se torna mais acessível.

As instituições devem estabelecer regras relacionadas a proteção de informações pessoais, para que não apenas o DPO, mas todos os envolvidos tenham boas diretrizes.
Entre as obrigações do GDPR estão a maior clareza na coleta de dados, logo os termos de confusos de serviços virtuais deverão ser repaginados e conter de forma transparente o que será feito com os dados coletados.

A nova regulamenta inclusive a questão da biometria e empresas que armazenam dados de impressão digital ou íris dos olhos devem expor como os dados são armazenados. Assim como empresas de pesquisas que coletam dados políticos ou orientação sexual, devem se adequar as regras.
Sua empresa está preparada para adotar tais medidas?
Fonte: https://www.eugdpr.org/

Documentos digitalizados podem ser descartados?

A tecnologia é uma grande aliada no meio corporativo e os documentos tendem a crescer ainda mais nos próximos anos.

A dúvida de muitos departamentos são o que fazer com os documentos físicos após a geração dos documentos digitais.

Como já falamos em outro post, existe diferença entre documentos digitais e os digitalizados (sem valor legal).
É aconselhável guardar os documentos físicos mesmo com a digitalização, garantindo a veracidade dos mesmos.

Para eliminar de vez o arquivo físico, é preciso fazer a microfilmagem com a digitalização, só assim os documentos passam a ter legalidade jurídica conforme a lei nº 5.433, de 08 de maio de 1968 e alterada pelo Decreto nº 1.799, de 30 de janeiro de 1996.

Documentos temporários podem ser descartados, desde que respeitem os procedimentos que garantem a autenticidade, conforme o Projeto de Lei do Senado (PLS) 146/2007, aprovado em junho de 2014.
Os documentos físicos podem ser descartados por incineração, destruição mecânica ou outro procedimento que garanta a desintegração.

Formas de diminuir o uso do papel no escritório

Algumas medidas podem auxiliar na diminuição do papel em sua empresa, o que trará benefícios econômicos e ambientais.
A conscientização da equipe é necessária na aplicação da nova cultura. Todos os colaboradores devem ser envolvidos e entender como o novo processo irá contribuir para um ambiente mais organizado e sustentável. Um exemplo muito prático é a redução de impressão. Todos devem se perguntar se ela é realmente necessária.
Conhecer as alternativas disponíveis darão mais força a ação e evitará que processos sejam afetados. O armazenamento na nuvem e digitalização de documentos são ferramentas poderosas nesse momento de implantação.
Um novo conceito na cultura organizacional vem ganhando força, o Paperless é o termo utilizado para a substituição integral ou parcial do papel dentro de uma instituição. A prática pode ser implantada aos poucos e tem como benefícios a redução de custos, agilidade no acesso à informações e mais espaço físico.

Cloud Computing, praticidade e sustentabilidade para sua empresa!

Muito se fala em Cloud Computing, mas, porque utilizá-lo em sua empresa e quais benefícios a prática pode trazer para sua vida? Primeiramente devemos lembrar que Cloud Computing se trata do arquivamento em nuvem de documentos e informações, podendo assim, desde que conectado à internet, seu computador, celular ou tablete acessem os documentos armazenados em nuvem. Uma das vantagens é que caso aconteça algum problema em seu computador todo o arquivo e conteúdo que estariam armazenados nele serão salvos, já que estão em uma nuvem.
O fator que mais chama a atenção das empresas ao optarem pelo Cloud Computing é a sustentabilidade, já que atualmente o tema tem gerado grande comoção não só entre o público, mas principalmente entre as empresas, já que além de ser uma forma de economia interna é também um apelo de marketing para quem utiliza seus serviços. A Acceture e WSP realizaram um estudo que exemplifica bem do que estamos falando, segundo pequenas empresas que optam pela utilização da nuvem, podem reduzir em até 90% a emissão de carbono, enquanto as grandes teriam uma economia de 30%. Já outro estudo, dessa vez realizado pela Carbon Disclosure Project (CDP) afirma que as empresas norte-americanas que usaram serviços de Cloud Computing alcançaram uma economia de energia anual combinada de US $ 12,3 bilhões e uma redução das emissões de carbono equivalentes a 200 milhões de barris de petróleo.
Deve-se pensar também na economia que o armazenamento traz em relação à substituição de papeis impressos na hora de arquivar documentos. Muitas empresas, principalmente as de pequeno porte ainda utilizam arquivos físicos, ao optarem pelo serviço de Cloud Computing essas empresas estão deixando de utilizar os papeis que como todos sabemos tem como origem vegetal as árvores. Não só os papeis, mas reduzem o número de tinta e plásticos (já que não utilizam pastas para guardar os arquivos).
Além de toda essa economia e bem-estar ambiental que a prática traz para sua empresa, também devemos lembrar, claro da praticidade envolvida nos processos. Primeiramente porque reduz o tempo de procura dos arquivos, já que o serviço de Cloud Computing tem um sistema de busca inteligente, que ajuda a encontrar com maior facilidade os documentos requeridos. Existe uma economia muito grande de tempo além de gerar otimização do seu trabalho, já que tendo a senha e login necessários você pode acessar o banco de dados e realizar consultas em documentos em qualquer lugar que esteja. Por fim, não podemos nos esquecer da economia com mão de obra (serviços de manutenção e TI, tem demanda bem menor) a economia com aquisição de produtos como computadores e impressoras, por exemplo, também fará grande diferença para as contas da empresa. Experimente em sua empresa e vire uma empresa sustentável, econômica e prática!

A Guarda de Documentos e as Instituições de Ensino

Não é apenas uma questão de organização, mas em muitas áreas a manutenção do acervo documental é obrigatório e se baseiam em leis específicas.

A PORTARIA Nº 1.224, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2013 do Ministério da Educação – MEC, determina normas e procedimentos específicas para as Instituições de Ensino pertencentes ao sistema federal de ensino (IES).
Conheça a portaria clicando aqui.

Para cumprir os procedimentos estabelecidos e evitar penalidades as instituições de ensino devem adotar procedimentos de gestão de documentos. Porém, manter a documentação de milhares de alunos pode não ser uma tarefa fácil até mesmo para profissionais capacitados.
Os recursos tecnológicos podem auxiliar o gerenciamento, garantindo mais eficiência na guarda dos documentos.

O primeiro passo a ser tomado é garantir a correta classificação dos documentos, para facilitar buscas futuras. E a digitalização dos arquivos que possibilita a disponibilização em ambientes virtuais.

Também é prevista na Portaria a microfilmagem, de modo a garantir a preservação e segurança do acervo acadêmico, tal recurso pode substituir arquivos físicos conforme consta na Portaria e demais Leis Complementares.

Os serviços de Guarda de Documentos, proporcionam organização e economia de espaço, ambiente seguro e tecnologia avançada.

Entre em contato com a Boomerang File e saiba como podemos ajudar sua Instituição.

Armazenamento na Nuvem e os documentos digitais

O Armazenamento de Documentos Digitais exige uma operação organizada para que no futuro sejam facilmente encontrados.
A forma como os arquivos são nomeados são de extrema importância e facilitam o gerenciamento e a pesquisa.
O armazenamento em nuvem auxilia na preservação dos arquivos físicos/originais e disponibilidade de espaço físico.

A sustentabilidade e questões ecológicas tem um peso relevante e os processos digitais tendem a contribuir para esse quesito, onde milhares de arquivos deixam de ser impressos com o auxílio dos meios digitais.

Atenção, documentos digitais não devem ser confundidos com os digitalizados (que não possuem valor legal).
Compreenda a diferença lendo o artigo: Documentos digitais substituem os originais: saiba como gerenciar documentos eletrônicos.

Possui um sistema de gerenciamento dos seus documentos físicos e digitais? Conheça aqui como a Boomerang File pode ajudar a sua empresa.

O que considerar na hora de escolher uma empresa de guarda de documentos?

A guarda de documentos vai muito além do espaço físico para o armazenamento da papelada. Atualmente as empresas contam com outras necessidades, que ultrapassam a guarda e estão diretamente ligadas à gestão dos documentos. Na era da informação, ter agilidade na localização e no acesso aos papéis é imprescindível para a produtividade, eficiência e até para o bem-estar nas empresas.

No Brasil, o conceito de full service storage ainda é relativamente novo, mas ao que tudo indica, os serviços de inteligência e organização de documentos atrelados à guarda, vieram mesmo para ficar.

Por aqui, o mercado de empresas que realizam a guarda de documentos ainda está em desenvolvimento e, justamente por isso, a qualidade dos serviços oferecidos é bastante variada. Para quem tem um negócio e precisa contratar uma boa empresa para guardar e gerenciar seus documentos, seguem algumas dicas para ajudá-lo!

Custo benefício

Um dos primeiros itens a serem avaliados por uma empresa na hora de contratar os serviços de guarda de documentos é o custo benefício. Muitas companhias ainda consideram que manter os documentos longe do espaço físico é caro e pouco funcional. No entanto, considerando os atuais valores dos aluguéis comerciais, manter caixas de documentos arquivadas pode ser muito mais dispendioso para a sua empresa.

Para escolher bem um serviço de guarda de documentos, primeiramente identifique quais são as suas necessidades como negócio, depois avalie os pacotes que podem ser mais adequados a elas. Além do armazenamento de caixas, as empresas de guarda oferecem serviços de frete, organização e até a gestão eletrônica de documentos (GED), permitindo o acesso remoto seu conteúdo de qualquer lugar.  Quanto mais variados os serviços oferecidos, maior a capacidade da empresa servir as necessidades do seu negócio.

Segurança

Esse é um dos pontos fundamentais a serem analisados antes da contratação, afinal, a empresa de guarda terá que armazenar documentos e informações importantes sobre o seu negócio. Verifique como são as instalações do site onde os documentos serão armazenados. Avalie se a empresa conta com proteção anti-incêndio, controle de pragas, sistema de vigilância, entre outros. Verifique como funciona a estrutura de organização da empresa e se existe algum tipo de controle e rastreabilidade dos documentos que são guardados por ela.

Tecnologia

A tecnologia se tornou uma forte aliada de quem precisa de rapidez na organização e na localização de informações. Hoje, graças à tecnologia já é possível fazer a gestão de documentos à distância, através da Gestão Eletrônica de documentos (GED) e até armazená-los na nuvem. Através de softwares específicos, as empresas de guarda conseguem atender as mais diferentes necessidades do Business Process Outsourcing.

Serviço personalizado

As necessidades de armazenamento e de gestão costumam variar de um negócio para outro. Por isso, ao contratar os serviços de guarda verifique se a empresa a ser contratada conta com um portfólio de soluções baseado em diferentes modelos de negócio e se é capaz de oferecer um serviço personalizado que realmente atende as demandas do seu negócio. Isso vai ajudá-lo a sobre analisar a expertise e know how a empresa a ser contratada.

Referência no mercado

Por fim, verifique quem são os clientes da empresa de guarda que você pretende contratar. Veja se a empresa é bem recomendada no mercado e se conta com credibilidade na prestação dos serviços.

Lembre-se que a empresa de guarda de documentos deve agir como uma parceira do seu negócio, facilitando as atividades internas e contribuindo para a eficiência e produtividade da sua empresa.

Está precisando contratar serviços de guarda de documentos para o seu negócio? Clique aqui e saiba mais!

O que é o cloud computing e como ele pode ajudar na organização dos documentos da sua empresa

Digitalizar documentos e armazená-los em sistemas internos é uma tendência para a maioria das empresas. Ainda que a digitalização não seja uma solução única e aplicável em todos os casos, como já explicamos aqui, ter acesso aos documentos em um ambiente digital significa agilidade e praticidade na maioria das vezes.

Porém, assim como ocorre no ambiente físico, armazenar documentos digitais não significa organizá-los, nem tampouco, mantê-los acessíveis. Da mesma forma, ambientes digitais também contam com limitações como os tradicionais arquivos físicos.

Na medida em que as empresas possuem cada vez mais documentos digitais, surge uma questão: qual a melhor forma de armazená-los? Como manter um arquivo organizado e funcional, a partir de uma base de dados e informações cada vez maior? A resposta dessas e de outras questões pode estar no armazenamento na nuvem. E se você ainda não ouviu falar dele, vale a pena conferir!

O que é o cloud computing?

O cloud computing, ou computação na nuvem, é um sistema de armazenamento de dados independente de hardware ou software. Isso significa que não é necessário instalar programas ou mesmo sistemas complexos para armazenar os dados e informações da sua empresa. Na própria nuvem é possível guardar todos os arquivos, sem muitas complicações, e ainda consultá-los de forma remota. Outra vantagem desse sistema diz respeito à sua capacidade de armazenamento que, comparada a maioria dos softwares e hardwares tradicionais, acaba sendo superior.

Embora muitos empreendedores se sintam desconfiados com a computação na nuvem, já que o próprio nome confere a ideia de algo aberto e sem muitas barreiras, o cloud computing conta com sistemas de controle que impede o acesso por terceiros não autorizados ou mesmo invasores.

O cloud computing já é um dos sistemas que vem ganhando mais espaço nas empresas por representar um baixo custo e maiores possibilidades de customização. Para pequenos e médios negócios, a nuvem vem se transformando em uma excelente solução.

Armazenamento, organização e funcionalidade na nuvem

Além de transformar o armazenamento e o acesso aos documentos em algo fácil, a nuvem apresenta maiores possibilidades de customização. Isso significa que mesmo à distância é possível criar pastas e organizar arquivos de acordo com a necessidade da empresa.

Obviamente, ao ler todas essas informações é natural que o empreendedor se sinta curioso ou mesmo simpatize com a ideia do cloud computing, porém, em termos de investimento, pode ser que adquirir um sistema apenas para organizar documentos não seja uma prioridade para a empresa nesse exato momento.

A boa notícia é que não é preciso comprar um sistema de cloud computing apenas para armazenar e organizar seus documentos. Com empresas especializadas na guarda de documentos, já é possível acessar essa tecnologia e ainda contar com outros serviços especializados que garantem segurança, acessibilidade e rastreabilidade aos documentos, sem contar no ganho de espaço físico para a empresa.

A guarda de documentos é hoje um serviço que vai além do simples armazenamento e pode oferecer soluções inteligentes para melhorar a acessibilidade e a organização de todo acervo de dados da sua empresa. Através do full service storage é possível organizar dados e informações da sua empresa de forma muito mais eficiente e, através da tecnologia, disponibilizá-los na velocidade de um clique.

A modernidade trouxe um grande desafio não apenas para pessoas, como também para as empresas: como lidar com o grande número de informações e dados que fazem parte do dia a dia, sem perder a eficiência e a produtividade. A tecnologia e o aprimoramento dos serviços estão aí para apresentar soluções!

Já pensou investir em uma guarda de documentos que oferece a possibilidade de você customizar a organização dos seus dados em um sistema de nuvem? Clique aqui e saiba mais!

RFID e controle de arquivo: entenda como a tecnologia auxilia na organização dos seus documentos

Você já ouviu falar em tecnologia RFID? Pode ser que assim, pelo nome, você não a conheça. Porém, ela está presente em diversos aspectos do dia a dia e pode se tornar uma ótima aliada na hora de organizar o arquivo da sua empresa e conferir rastreabilidade aos seus documentos.

Quem lida diariamente com documentos sabe da importância, e também da dificuldade, de mantê-los organizados para que sejam encontrados no momento preciso. É através da rastreabilidade que a localização física dos documentos ocorre de forma automática. É por meio dela, também, que você é capaz de saber por onde um determinado documento esteve e quem teve acesso ao seu conteúdo. Quando falamos de informações confidenciais ou importantes, investir em rastreabilidade não é um mero capricho, mas sim uma questão de segurança para o seu negócio.

Para quem já passou pela situação de passar horas buscando um documento ou já viu uma informação importante cair nas mãos erradas, já existe uma boa solução para evitar esse tipo de problema. Confira!

O que é RFID?

RFID é a sigla para Radio Frequency Identification ou identificação por meio de radiofrequência. Trata-se de uma tecnologia de identificação automática aplicada aos objetos, onde é possível não apenas identificá-los no espaço, como também inserir dados e informações sobre eles através de tags.

Assim como o código de barras e a biometria, a identificação por radio frequência, ou RFID serve para identificar objetos e simultaneamente armazenar dados sobre eles. Muito comum em crachás e cartões de identificação, essa tecnologia possui várias aplicações que vão desde o rastreamento de gado, sistemas de pedágio, acompanhamento de mercadorias no varejo e até manuseio e extração de petróleo.

No arquivo da sua empresa essa tecnologia pode ser aplicada tanto em caixas como em documentos. E por meio dela você consegue saber não apenas onde está localizado um determinado documento no seu escritório ou fora dele, como pode checar automaticamente dados importantes sobre o seu conteúdo.

Como funciona?

A base da RFID são as tags (“etiquetas”) e os aparelhos de identificação. Em cada tag fica armazenado um número serial capaz de identificar o objeto ou os dados através de um microchip. Esse microchip, por sua vez, é conectado a uma antena, que formam o chamado conjunto “transponder RFID”, em que a antena possibilita ao chip a transmissão das informações de identificação a um leitor. O leitor converte as ondas de rádio em dados digitais, e a partir daí os dados podem ser processados e utilizados.

Guarda de documentos e RFID

O RFID é uma tecnologia bastante eficiente e simples em termos de rastreabilidade e armazenamento de dados. Não é a toa que esse tipo de tecnologia é amplamente aplicada a crachás corporativos, possibilitando às empresas uma forma ágil e eficiente de controle de acesso.

Porém, como toda tecnologia, o RFID também tem um custo. E, naturalmente, como um empreendedor você já deve estar imaginando qual o custo disso, considerando o arquivo da sua empresa. A boa notícia é que não é necessário adquirir um sistema próprio para isso. Com a terceirização da guarda de documentos é possível contar com os mesmos benefícios e vantagens da RFID sem que seja necessário adquirir esse tipo de tecnologia propriamente.

A guarda de documentos confere uma série de vantagens em termos de organização e também de segurança, além de ser uma opção bem mais econômica em diversos casos.

Mesmo pequenas empresas que possuem dificuldades em contratar um profissional especializado para a organização do arquivo já podem ter acesso a esse tipo de serviço que pode conferir a agilidade que os pequenos negócios também precisam.

Sabe aquela história de olhar para a secretária, perguntar onde está um determinado documento e ela te olhar com cara de dúvida? Você pode ter seus documentos organizados e com fácil acesso, sem precisar passar por isso. Clique aqui e saiba mais!

Projetos Personalizados

A Boomerang File desenvolve e implementa Projetos Personalizados de Gestão de Documentos e Informações para qualquer segmento ou porte empresarial.

Dessa forma, temos em nosso portfólio de soluções, Gestão de Prontuários Médicos, Fichas de Atendimento a Clientes ou Pacientes, Gestão de Processos com a utilização de tecnologia RFID (Etiquetas com sensores de Rádio Frequência), seja na caixa ou individualmente em cada documento.

Nosso Sistema de Gestão desenvolvido para acesso remoto e segurança das informações e armazenagem, permite Controle Total do Cliente ao acervo documental, e data prevista em Lei para descarte.

As soluções desenvolvidas pela Boomerang atendem pequenos clientes (até 50 caixas de arquivos) a grandes conglomerados.

Consulte nosso Atendimento para agendar uma visita e conhecer detalhes de nossas Soluções

www.boomerangfile.com.br

Documentos Digitais e sua evolução

O crescimento de documentos digitais que cada empresa administra está gerando uma base de informações gigantesca.
Estamos preparados para isso?

Volume de Dados

Entre em contato e saiba mais sobre armazenagem de documentos e utilização de etiquetas inteligentes na Gestão de Documentos

www.boomerangfile.com.br

 

Credibilidade em Backups

Você sabia que só efetuar o backup e armazenar conforme política de segurança da empresa não garante a recuperação de todos os arquivos?
Caso o equipamento que efetuou a gravação da mídia tenha necessidade de manutenção ou substituição, podem ocorrer problemas para a recuperação.
No caso de fitas, por exemplo, se as “cabeças de gravação” estiverem desalinhadas, quando inserido em um novo equipamento ou caso o equipamento tenha passado por manutenção, pode ocorrer de estar desalinhado ao original.
Em casos de mídias como CD, DVD, parte dos arquivos podem ser danificadas no manuseio.
Inclusive HD’s externos podem falhar.
O ideal seria que antes de enviar para a armazenagem, que essas mídias fossem testadas e eventualmente uma revisão preventiva para garantir a integridade das informações.
Muitas empresas ficam mais preocupadas com a forma de armazenar mídias, do que a possibilidade de perder dados importantes.
Conheça a Boomerang File e avalie se seus dados estão devidamente armazenados e com garantia de recuperação

www.boomerangfile.com.br

Novos Produtos

Com o objetivo de aumentar o portfólio de soluções em gestão Documental, além de nossos serviços já consagrados de Guarda Documentos e Digitalização, a Boomerang passa a disponibilizar duas novas frentes, focadas na eliminação de exposição fiscal.

A primeira trata Notas Fiscais.
Nossa ferramenta permite indexação das Notas Fiscais físicas emitidas / recebidas pela empresa de forma a permitir total controle sobre o acervo. Além disso, tratamos os arquivos xml (NF-e) emitidos ou recebidos, fazendo a validação junto à Receita, verificando a integridade de toda a estrutura do arquivo e armazenando de forma estruturada.
Essa solução permite comparar os documentos físicos e eletrônicos emitidos e recebidos pela empresa com base do SPED, contabilizada e sujeita à fiscalização.
Somos a única empresa no Brasil a trabalhar com Notas Fiscais Físicas e Eletrônicas, validando toda a base.

Outra solução é o tratamento de Prontuário de Funcionários.
Conforme a política da empresa, definimos quais são os documentos obrigatórios e quais são eventuais necessários para atender a legislação trabalhista.
Os prontuários são verificados, levantadas possíveis pendências através de um check list personalizado e identificado individualmente.
Com este formato, podemos atender de forma rápida e garantida, uma vez que toda a documentação está completa e atualizada.

Gostaria de agendar uma apresentação com os responsáveis pela gestão desses documentos na sua empresa, possibilitando a demonstração e detalhamento das soluções acima.

Por favor, informe uma data para essa breve reunião.

contato@boomerangfile.com.br